Sun 09-09-2018 22:13 PM

Dubai FDI embarca na segunda missão de promoção de investimentos para fortalecer laços com os EUA

DUBAI, 9 de setembro, 2018 (WAM) - A Dubai FDI, agência de desenvolvimento de investimentos da Dubai Economy (DED), está em segunda missão de promoção de investimentos para os Estados Unidos neste mês, em uma tentativa de fortalecer ainda mais suas relações bilaterais com uma das principais potências econômicas do mundo. A missão de alto nível visitará as cidades de Indianápolis e Detroit.

O principal objetivo da missão, que ocorrerá de 15 a 22 de setembro, é fortalecer os laços comerciais e econômicos com os estados de Indiana e Michigan, nos campos de tecnologias, saúde e ciências da vida, agricultura, educação, aeroespacial, transporte, e infra-estrutura, bem como destacar oportunidades de parceria e conhecimento entre os Emirados Árabes Unidos e os EUA no campo das exportações e investimentos.

A missão, apoiada pela Embaixada dos Emirados Árabes Unidos em Washington e pelo número de altos executivos da Dubai Exports, liderando zonas livres no Emirado, no Conselho Empresarial EUA-EAU e no Emirates Airlines Group fará parte da missão liderada pela Dubai FDI. .

O CEO da Dubai FDI Fahad Al Gergawi disse: "A missão a Indiana e Michigan faz parte do Programa de Missão Global do FDI de Dubai para os Estados Unidos, e está alinhada com nossos esforços para estabelecer parcerias com investidores internacionais e permitir que eles expandam e cresçam." negócios em Dubai ".

Ele acrescentou: "A missão segue nossa missão empresarial bem-sucedida às cidades de Columbus e Cincinnati em Ohio em março passado, onde nossa delegação se reuniu com empresários e representantes do governo para apresentar a vantagem de Dubai como um portal para outros mercados globais. Durante a missão, vamos destacar todas as oportunidades significativas no mercado local e como as empresas americanas - especialmente as envolvidas nas exportações - podem expandir seus negócios capitalizando as muitas vantagens competitivas em Dubai como uma cidade favorável aos investidores e um centro regional ou sub-regional para seus negócios. "

O CEO da Dubai Exports, Saed Al Awadi, disse: "Discutiremos com nossos parceiros norte-americanos a proposta de valor que Dubai oferece aos investidores estrangeiros, já que o emirado fornece não apenas conectividade global, mas também proporciona um ambiente encorajador para empresas internacionais." sectores, bem como o desenvolvimento contínuo de infra-estruturas que permitem o fluxo suave de bens nos mercados globais ".

Detroit desfruta de um crescimento do produto interno bruto (PIB) de 9,8% de 2011 a 2016. É considerado um portal internacional para os EUA, sendo o sexto maior mercado de exportação do país, avaliado em US $ 42,1 bilhões em 2016. É o lar de 1.300 empresas internacionais de 38 países.

Indiana - onde Indianápolis está localizada - tem uma população total de 6,6 milhões em 2017 e é conhecida por seu grande setor de fabricação de bens duráveis, que responde por 16% do PIB de Indiana. Finanças, seguros, imóveis e leasing são os próximos maiores setores. O PIB atual do Estado norte-americano atingiu US $ 359,1 milhões em 2017.

O valor do comércio não petrolífero entre os EUA e os Emirados Árabes Unidos atingiu US $ 24,28 bilhões em 2017. Até o momento, existem mais de 1.500 companhias americanas registradas nos EAU e mais de 50.000 cidadãos dos EUA que vivem no país. Os EUA, que sediarão um pavilhão do país, também participarão da Expo 2020 Dubai.

Traduzido por Nadia Alli http://wam.ae/en/details/1395302707232

WAM/Portuguese