Notícias de última hora: Declaração dos EAU sobre o status do espião condenado e cidadão britânico, Matthew Hedges

ABU DHABI, 26 de novembro de 2018 (WAM) - Na quarta-feira, 21 de novembro de 2018, o Tribunal Federal de Apelações de Abu Dhabi considerou o Sr. Matthew Hedges, um cidadão britânico, culpado do crime de espionagem e em nome de um estado estrangeiro, colocando em risco a segurança militar, econômica e política dos EAU. O Sr. Hedges foi condenado a prisão perpétua.

O Ministério das Relações Exteriores e Cooperação Internacional pode confirmar que após a sentença da Corte e a condenação, a família de Hedges pediu clemência em uma carta pessoal ao Presidente Sua Alteza o Xeque Khalifa bin Zayed Al Nahyan. A carta foi enviada pelo pessoal consular britânico às autoridades dos EAU.

O Ministério dos Assuntos Presidenciais anunciou posteriormente que um perdão presidencial foi emitido com efeito imediato por Sua Alteza o Xeque Khalifa bin Zayed Al Nahyan, Presidente dos Emirados Árabes Unidos. O habitual perdão presidencial do Dia Nacional inclui o Sr. Hedges como parte de uma série de pedidos de clemência emitidos por ocasião do 47º aniversário do Dia Nacional dos Emirados Árabes Unidos. O Sr. Hedges terá permissão para deixar os EAU assim que as formalidades forem cumpridas.

Comentando sobre o veredicto e o perdão presidencial, o Ministro de Estado dos Negócios Estrangeiros dos Emirados Árabes Unidos, Dr. Anwar Gargash disse: "Sua Alteza clemência graciosa do Presidente nos perdões habituais do Dia Nacional nos permite retornar o nosso foco para a força fundamental subjacente dos Emirados Árabes Unidos / Relacionamento bilateral a nível bilateral e sua importância para a comunidade internacional. Sempre foi uma esperança dos Emirados Árabes Unidos que esse assunto fosse resolvido através dos canais comuns de nossa parceria de longa data. Essa foi uma questão direta que se tornou desnecessariamente complexa apesar dos melhores esforços dos Emirados Árabes Unidos.

O caso contra o Sr. Hedges foi baseado em evidências obtidas dos dispositivos eletrônicos do Sr. Hedges; vigilância e coleta de inteligência por agências de inteligência e segurança dos EAU; e provas fornecidas pelo próprio Sr. Hedges - incluindo uma conta corroborada de recrutamento e treinamento de ativos e a informação confidencial sendo almejada. Seu recrutamento e progresso dentro de um serviço de inteligência estrangeiro foram autenticados no Tribunal por agências de inteligência dos EAU.

O Dr. Anwar Gargash comentou ainda que "O perdoar habitual do Dia Nacional da Presidência permite que fechemos este capítulo e nos concentremos nos muitos aspectos positivos do relacionamento".

Trad. por Nadia Allim http://wam.ae/en/details/1395302723129

WAM/Portuguese