Sharjah como "Convidado de Honra" na Feira Mundial do Livro de Nova Deli

NOVA DELI, 29 de novembro de 2018 (WAM) - Estão sendo realizados preparativos para homenagear Sharjah como "Convidado de Honra" na Feira Mundial do Livro de Nova Déli, que será realizada de 5 a 13 de janeiro do próximo ano.

A National Book Trust of India, organizadora da Feira do Livro, convidou o vice-presidente da Índia, M. Venkaiah Naidu, para abrir o Pavilhão de Sharjah na Feira do Livro, em vista do status distinto do emirado na exposição do próximo ano.

Segundo os organizadores, cerca de 30 editores e autores dos Emirados Árabes Unidos manifestaram interesse até agora em participar do evento de Nova Déli. O National Book Trust é uma organização autônoma do governo indiano sob o seu Ministério de Desenvolvimento de Recursos Humanos.

A India Trade Promotion Organization ou ITPO, a agência nodal do governo da Índia sob o seu Ministério do Comércio, é o co-organizador da Feira do Livro de Deli. A ITPO tem uma longa história de cooperação com os Emirados Árabes Unidos no campo das exposições.

Fontes do Ministério de Relações Exteriores da Índia disseram que estão coordenando com os Emirados Árabes Unidos os arranjos para a participação do país no evento de janeiro, porque a representação de alto nível de Sharjah deve agraciar o prestigioso pavilhão do Emirado.

O interesse pela Índia nas atividades culturais de Sharjah atingiu seu pico após o anúncio da Unesco no ano passado de nomear o Emirado como a "Capital Mundial do Livro para o ano de 2019". O interesse na Índia pela honra da UNESCO é especialmente porque cita a inclusão da população migrante como os índios no prêmio.

Sharjah foi selecionada "por causa de sua natureza muito inovadora, abrangente e inclusiva, com um programa de atividades focado na comunidade que contém propostas criativas para engajar a enorme população migrante", disse a UNESCO na época. O órgão da ONU também elogiou o slogan: "Leia - você está em Sharjah".

Na Índia, o prêmio por Sharjah e o lugar de honra do Emirado na próxima Feira do Livro tem ressonância especial, porque Nova Déli foi escolhida de maneira semelhante como Capital Mundial do Livro da UNESCO em 2003.

TRAD. POR NADIA ALLIM

http://wam.ae/en/details/1395302724270

WAM/Portuguese