• ط§ظپطھطھط§ط­ ظ…ط¹ط±ط¶ ظ…ظ† ط§ظ„ظ…ط³ط§ط¹ط¯ط§طھ ط§ظ„ط¥ظ†ط³ط§ظ†ظٹط© ظ„ظ„ط§ط³طھظ‚ط±ط§ط± ظپظٹ ظ…ظ‚ط± ط§ظ„ط¨ط±ظ„ظ…ط§ظ† ط§ظ„ط£ظˆط±ظˆط¨ظٹ /3/ /Medium/
  • ط§ظپطھطھط§ط­ ظ…ط¹ط±ط¶ ظ…ظ† ط§ظ„ظ…ط³ط§ط¹ط¯ط§طھ ط§ظ„ط¥ظ†ط³ط§ظ†ظٹط© ظ„ظ„ط§ط³طھظ‚ط±ط§ط± ظپظٹ ظ…ظ‚ط± ط§ظ„ط¨ط±ظ„ظ…ط§ظ† ط§ظ„ط£ظˆط±ظˆط¨ظٹ /1/ /Medium/
  • ط§ظپطھطھط§ط­ ظ…ط¹ط±ط¶ ظ…ظ† ط§ظ„ظ…ط³ط§ط¹ط¯ط§طھ ط§ظ„ط¥ظ†ط³ط§ظ†ظٹط© ظ„ظ„ط§ط³طھظ‚ط±ط§ط± ظپظٹ ظ…ظ‚ط± ط§ظ„ط¨ط±ظ„ظ…ط§ظ† ط§ظ„ط£ظˆط±ظˆط¨ظٹ /4/ /Medium/
  • ط§ظپطھطھط§ط­ ظ…ط¹ط±ط¶ ظ…ظ† ط§ظ„ظ…ط³ط§ط¹ط¯ط§طھ ط§ظ„ط¥ظ†ط³ط§ظ†ظٹط© ظ„ظ„ط§ط³طھظ‚ط±ط§ط± ظپظٹ ظ…ظ‚ط± ط§ظ„ط¨ط±ظ„ظ…ط§ظ† ط§ظ„ط£ظˆط±ظˆط¨ظٹ /6/ /Medium/
  • ط§ظپطھطھط§ط­ ظ…ط¹ط±ط¶ ظ…ظ† ط§ظ„ظ…ط³ط§ط¹ط¯ط§طھ ط§ظ„ط¥ظ†ط³ط§ظ†ظٹط© ظ„ظ„ط§ط³طھظ‚ط±ط§ط± ظپظٹ ظ…ظ‚ط± ط§ظ„ط¨ط±ظ„ظ…ط§ظ† ط§ظ„ط£ظˆط±ظˆط¨ظٹ /5/ /Medium/
  • ط§ظپطھطھط§ط­ ظ…ط¹ط±ط¶ ظ…ظ† ط§ظ„ظ…ط³ط§ط¹ط¯ط§طھ ط§ظ„ط¥ظ†ط³ط§ظ†ظٹط© ظ„ظ„ط§ط³طھظ‚ط±ط§ط± ظپظٹ ظ…ظ‚ط± ط§ظ„ط¨ط±ظ„ظ…ط§ظ† ط§ظ„ط£ظˆط±ظˆط¨ظٹ /2/ /Medium/

A assistência humanitária dos EAU atingiu 32,01 bilhões de Dólares entre 2013-2017

BRUXELAS, 09 de janeiro de 2019 (WAM) - Uma exposição organizada pelo Crescente Vermelho dos Emirados (ERC), em coordenação com o Conselho Nacional Federal (FNC) abriu se ontem em Bruxelas para promover os esforços humanitários e de desenvolvimento dos EAU e ajuda a vários países do mundo que atingiu cerca de 32,01 bilhões de Dólares entre os anos de 2013 a 2017, dos quais milhões de refugiados e deslocados em todo o mundo se beneficiaram, incluindo 10 milhões de iemenitas.

Intitulado "Da Ajuda Humanitária à Estabilidade", a exposição de três dias visa disseminar mais conhecimento sobre os valores e princípios dos EAU baseados no fornecimento de ajuda Sem discriminação de raça, religião.

participaram da abertura da exposição o Presidente do Parlamento Europeu Antonio Tajani e o Dr. Amal Abdullah Al Qubaisi, Presidente do Conselho Nacional Federal, FNC, juntamente com a delegação do ERC, numa visita oficial ao Parlamento Europeu em Bruxelas de 7 a 11 de janeiro de 2019.

Falando na cerimônia inaugural da exposição, Tajani expressou sinceros agradecimentos pelos esforços humanitários e de assistência realizados incansavelmente pelos EAU, sublinhando a necessidade de forjar uma ação conjunta entre a Europa e os Emirados Árabes Unidos para tratar da questão dos refugiados ilegítimos. Ele também ressaltou a necessidade de dobrar os esforços para acabar com o terrorismo e garantir segurança e estabilidade em todo o mundo.

"Sob a liderança do Presidente Sua Alteza Xeque Khalifa bin Zayed Al Nahyan, Sua Alteza Xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, Vice-Presidente, Primeiro Ministro e Governante de Dubai, Sua Alteza Xeque Mohamed Bin Zayed Al Nahyan, Príncipe Herdeiro de Abu Dhabi e Vice Comandante Supremo das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos e seus Aliados, os governantes dos Emirados, juntamente com o povo dos Emirados Árabes Unidos estão seguindo o caminho estabelecido pelo falecido Xeque Zayed para contribuir efetivamente para aliviar o sofrimento dos necessitados e pobres em todo o mundo ", disse Al Qubaisi.

por sua vez , Fahad Abdul Rahman bin Sultan, vice-secretário-geral de ajuda internacional do ERC, disse que a ajuda humanitária e de desenvolvimento dos EAU está focada em atender as necessidades de refugiados e deslocados em áreas atingidas em todo o mundo, incluindo Síria, Iêmen, Somália, Palestina, Iraque e Afeganistão, entre outras regiões que estão sofrendo conflitos armados e graves crises humanitárias.

"A ajuda humanitária dos EAU ascendeu a 4,92 bilhões de Dólares para o Iêmen desde abril de 2015 até dezembro de 2018; 174,6 milhões de Dólares para a Líbia de 2013 até 2017; 963,5 milhões de Dólares para o povo sírio de 2012 a novembro de 2018; 641,5 milhões de Dólares para o Iraque de 2013 a 2017; 233,3 milhões de Dólares para a Somália de 2013 a 2017, e 489 milhões de Dólares para os palestinos de 2013 a 2018 ", disse Bin Sultan.

"Os Emirados Árabes Unidos alcançam mais de 100 países em todo o mundo e nossa ajuda cobre todos os continentes", disse ele, observando que há 14 escritórios do ERC operando em vários países do mundo para lançar e acompanhar os projetos de desenvolvimento e ajuda do país.

"Há dois escritórios na Palestina e o restante em Erbil, Líbano, Somália, Egito, Tunísia, Cazaquistão, Indonésia, Paquistão, Afeganistão, Bósnia, Albânia e Iêmen", afirmou.

"No Curdistão, estabelecemos três comunidades residenciais para refugiados sírios e iraquianos deslocados que haviam fugido das áreas controladas pelo Daesh.

Todas essas instalações estão todos bem equipados com eletricidade, água, escolas, hospitais, mercados e áreas para crianças. Eles reúnem seguidores de várias religiões que estão todas vivendo juntas em uma coexistência pacífica em um novo testamento da determinação dos Emirados Árabes Unidos em promover sua cultura de tolerância e aceitação dos outros ", acrescentou.

"A ajuda de emergência está sendo consistentemente fornecida a pessoas deslocadas fora desses acampamentos humanitários, enquanto hospitais foram estabelecidos em Arbil, incluindo o Hospital oftalmológico da Mãe da Nação em Erbil, o Hospital Eyal Zayed (Filhos de Zayed) e o Hospital Ataya.

"Na implementação das diretrizes do Xeque Hamdan bin Zayed Al Nahyan, Representante do Governador na Região de Al Dhafra, Presidente do Crescente Vermelho dos Emirados, o ERC continua a fornecer ajuda e material de socorro aos sírios, ambos dentro da Síria através de várias organizações humanitárias internacionais. e fora do país em campos de refugiados, além da considerável ajuda para o desenvolvimento e assistência prestada no Iêmen desde a década de 1980. "

"A ajuda dos EAU ao Iêmen inclui o estabelecimento de hospitais, fornecendo energia elétrica, energia solar, perfurando poços, lançando projetos de desenvolvimento comunitário para o benefício dos lares dos mártires, além de apoiar os pescadores com barcos e manter portos para aumentar a produção de peixes. intensificando campanhas anti-mineração ".

A exposição inclui fotos, vídeos e estatísticas relacionadas à ajuda humanitária e de desenvolvimento dos Emirados, e vai mostrar a ajuda humanitária, suprimentos médicos e alimentares, barracas e apoio educacional fornecido pelos EAU, assim como estatísticas relevantes, como o número de beneficiários seis continentes e seus países.

Também exibe fotos documentais dos esforços humanitários e de desenvolvimento do ERC em todo o mundo, bem como os serviços educacionais, de saúde, sociais, de emergência, água e eletricidade que fornece a muitas regiões e países, incluindo Iêmen, Somália, Síria, Palestina e Afeganistão. .

A exposição também apresenta um modelo detalhado do Acampamento de Aldeia Mrejeib que hospeda refugiados sírios na Jordânia e os serviços que oferece, bem como um vídeo da visita de membros do Parlamento Europeu ao acampamento e suas declarações subsequentes.

Participaram do evento Antonio Lopez-Isturiz White, Presidente do Grupo de Amizade Parlamentar dos EAU-UE, juntamente com vários membros do Parlamento Europeu, funcionários europeus e embaixadores de vários países na Bélgica.

Traduzido por: Mohamed Eid Khedr.

http://wam.ae/en/details/1395302731468

WAM/Portuguese