• uae cabinet approves national space strategy 2030 2
  • uae cabinet approves national space strategy 2030 1

Gabinete dos Emirados Árabes Unidos aprova Estratégia Nacional do Espaço 2030

ABU DHABI, 11 de março de 2019 (WAM) - O Gabinete dos Emirados Árabes Unidos, presidido por Sua Alteza Xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, Vice-Presidente, Primeiro Ministro e Governador de Dubai, adotou a Estratégia Espacial Nacional 2030 durante sua reunião no Palácio da Presidência em Abu Dhabi. A reunião do Gabinete contou com a presença da S.A. Xeque Mansour bin Zayed Al Nahyan, Vice-Primeiro Ministro e Ministro de Assuntos Presidenciais.

Xeque Mohammed afirmou que os Emirados Árabes Unidos estabeleceram uma potência econômica e uma infra-estrutura avançada por jovens talentos dos Emirados, o que permitiu que estivesse na vanguarda da indústria de exploração espacial hoje. "No ano passado celebramos o lançamento do primeiro satélite totalmente construído por jovens engenheiros dos Emirados, e num futuro muito próximo os veremos operando centros internacionais de tecnologia espacial, sediados nos Emirados Árabes Unidos. Veremos quadros dos Emirados, altamente qualificados e especializados em ciência espacial, alcançando avanços científicos que servem toda a humanidade ", disse Sua Alteza.

Ele acrescentou: "Estamos investindo na indústria espacial, com os projetos e as iniciativas ambiciosas que beneficiarão nossos cidadãos e contribuirão para os principais setores da economia nacional. Este é um marco importante para o nosso país, e pretendemos nos tornar um modelo para países que pretendem lançar programas espaciais ambiciosos ".

A Estratégia Nacional do Espaço visa alcançar a visão dos EAU no campo da exploração espacial, tecnologias e aplicações. Constitui também um dos pilares do marco regulatório do setor espacial no país, que consiste em quatro componentes; Política Espacial Nacional, Lei do Setor Espacial, Regulamentos Espaciais e Estratégia Espacial Nacional.

Os EAU buscam estabelecer um importante centro global de ciência e tecnologia espacial, através do investimento na construção de capacidades e da criação de um ambiente científico, legislativo e financeiro que seja estimulante e atraente para projetos espaciais.

A estratégia estabelece uma estrutura geral para a indústria espacial e atividades dos EAU para os anos 2030, incluindo as atividades governamentais relacionadas ao espaço, atividades comerciais e atividades científicas realizadas por operadores do setor público e privado e instituições acadêmicas e centros de pesquisa e desenvolvimento, P & D.

O Gabinete enfatizou a importância de aumentar a conscientização sobre a importância do setor espacial entre os jovens de Emirados Árabes e a importância de melhorar o papel dos centros nacionais avançados de pesquisa e desenvolvimento. Os Emirados Árabes Unidos possuem atualmente quatro centros especializados em pesquisa e desenvolvimento de espaço, todos eles com capacidade de fabricação, e onde os emirados representam mais de 50% da força de trabalho, com mais da metade deles são mulheres.

A Estratégia Espacial Nacional inclui 6 objetivos, 21 programas e 79 iniciativas, que se traduzem em áreas de foco e programas que beneficiam mais de 85 entidades nos EAU. A Agência Espacial dos Emirados é responsável pelo acompanhamento da implementação da estratégia em cooperação com parceiros estratégicos e mais de 20 agências e centros espaciais no exterior.

Em um tópico diferente, o Conselho de Ministros adotou a decisão de regular e desenvolver os serviços do setor de residência e negócios portuários, organizando a emissão de autorizações de residência para investidores, empreendedores, inovadores e talentos humanos, a fim de estimular o ambiente de negócios nos Emirados Árabes Unidos. A decisão visa criar um ambiente atraente para o investimento, de acordo com a posição dos Emirados Árabes Unidos como um dos principais destinos para investidores e visitantes.

Nos assuntos organizacionais e governamentais, o Gabinete aprovou a formação do Comitê de Atividades Financeiras, encarregado de considerar os casos relacionados às atividades financeiras que lhe são encaminhadas pelas autoridades reguladoras e estudar qualquer proposta ou opinião para regular qualquer atividade financeira. além das mencionadas nas leis.

O Gabinete aprovou a assinatura de vários tratados internacionais para melhorar a cooperação internacional com a comunidade global.

Trad. por Nadia Allim.

http://wam.ae/en/details/1395302746372

WAM/Portuguese