Sábado 02 Julho 2022 - 12:52:00 am

Funcionária da ONU elogia os esforços ecológicos dos Emirados Árabes Unidos

Vídeo Imagem

DUBAI, 22 de Junho de 2022 (WAM) -- A Dra. Dena Assaf, Coordenadora Residente das Nações Unidas para os Emiratos Árabes Unidos, elogiou os esforços dos Emiratos Árabes Unidos para proteger o ambiente e alcançar os objectivos de desenvolvimento sustentável.

Neste contexto, a funcionária da ONU saudou a decisão da Agência Ambiental - Abu Dhabi de proibir o uso de sacos de plástico de utilização única a partir de 1 de Junho, como a primeira cidade do Médio Oriente, bem como o Plano Director Urbano do Dubai 2040 e outras iniciativas conducentes à visão estratégica dos EAU para a neutralidade de carbono 2050.

Numa declaração à Emirates News Agency (WAM), à margem da sua participação na Cimeira Verde Árabe 2022 no Dubai, Assaf declarou que os EAU começaram a envolver todos os sectores na preparação para acolher a 28ª Conferência das Partes das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas (COP28) em 2023, observando que as cimeiras e reuniões preparatórias realizadas nos EAU visam principalmente a procura de soluções alternativas aos combustíveis fósseis.

A funcionária das Nações Unidas salientou que o desenvolvimento da economia circular para um futuro sustentável é da responsabilidade de todos, e não apenas do governo e dos sectores privados. Ela acrescentou que isto pode ser conseguido através da partilha de ideias e soluções para trabalhar em conjunto, expressando o seu prazer em representar a ONU nos EAU, um modelo a ser seguido por outros países.

Assaf elogiou os esforços dos EAU, uma vez que o país foi um dos primeiros países a anunciar a sua visão de neutralidade de carbono "zero carbono" até 2050, Ela observou, "Como organização, a ONU está confiante que os EAU atingirão os objectivos mesmo antes da data especificada; esperamos que a inovação a ser desenvolvida nos EAU apoie a região e o mundo inteiro".

A funcionária da ONU salientou a necessidade de tirar partido dos talentos criativos dos jovens nas sociedades árabes para encontrar soluções inovadoras que possam ser melhor utilizadas para um futuro sustentável na região.

Concluiu dizendo: "A região árabe goza de abundantes recursos para as energias renováveis, o mais importante dos quais é o sol, salientando a necessidade de maximizar estes recursos e fazer o máximo uso deles e de outros recursos naturais que são fundamentais para os nossos países e para todos os países e para o bem das gerações futuras".

trad. nadia allim /wam.ae/en/details/1395303059707

WAM/Portuguese