Abu Dhabi marca 7,72 pontos no índice de felicidade

Abu Dhabi marca 7,72 pontos no índice de felicidade

ABU DHABI, 19 de março de 2020 (WAM) -- O emirado de Abu Dhabi marcou 7,72 pontos no índice de felicidade, de acordo com as estatísticas recentes, o Departamento de Desenvolvimento Comunitário, DCD, anunciou.

A pontuação média global é de 6,5 pontos, o que indica que Abu Dhabi superou a pontuação média mais alta que vários países, como Dinamarca, Finlândia, Islândia, Noruega e Suíça. A análise incluiu as categorias mais comuns, nomeadamente idosos, trabalhadores, mulheres, jovens, trabalhadores domésticos e Pessoas de Determinação, de acordo com a DCD.

Estas estatísticas foram divulgadas após a realização do primeiro ciclo do Questionário de Qualidade de Vida, que inclui melhores indicadores de vida e indicadores subjetivos de bem-estar e felicidade de países de todo o mundo, e se baseia em tópicos identificados pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico, assim como uma análise das condições financeiras e da qualidade de vida.

Os pontos são calculados de 1 a 10 tendo em conta fatores relacionados com a satisfação geral na vida, e a pontuação média de felicidade em Abu Dhabi, disse a DCD numa declaração que coincide com o Dia Internacional da Felicidade.

Disse ainda que esta pontuação favorável foi alcançada devido à vontade de Abu Dhabi de proporcionar todos os meios de felicidade, prosperidade e bem-estar social a todos que chamam Abu Dhabi de lar, além de promover estilos de vida positivos, de acordo com a visão da DCD de proporcionar uma vida digna para todos, e um padrão de vida decente para cada membro da comunidade.

"O índice de felicidade analisa dados de forma mais objetiva, avaliando a qualidade de vida em comparação com países do mundo inteiro", de acordo com a DCD. A análise inclui dados relacionados ao estado geral de saúde, educação, renda e condições sociais do indivíduo. A satisfação geral de vida é medida como parte do indicador de bem-estar subjetivo, levando em conta os sentimentos de um indivíduo em relação à sua vida, acrescentou ele.

Os resultados mostraram que as Pessoas de Determinação tiveram os menores índices de felicidade com uma média de 6,6 em cada 10 e, portanto, o DCD tomou a iniciativa de trabalhar em vários projetos, talvez o mais importante dos quais seja a estratégia abrangente para as Pessoas de Determinação no emirado de Abu Dhabi.

O Departamento também lançou o Questionário de Qualidade de Vida no seu segundo ciclo, que visa medir indicadores-chave de desempenho ao nível do setor de serviços sociais em Abu Dhabi. O questionário também tem como objetivo monitorar a qualidade de vida e melhorar as condições de vida em diversas áreas. O segundo ciclo está atualmente testemunhando um aumento no número de participantes do questionário em 55%.

Trad. por Nadia Allim.

http://wam.ae/en/details/1395302831821