Quarta-feira 12 Maio 2021 - 11:35:27 am

Os primeiros laboratórios de compatibilidade eletromagnética do mundo árabe são revelados em Abu Dhabi


ABU DHABI, 3 de maio de 2021 (WAM) -- O Instituto de Inovação Tecnológica (TII) anunciou hoje que seu Centro de Pesquisa Energética Direcionada (DERC) revelou seus laboratórios de Compatibilidade Eletromagnética (EMC) em Abu Dhabi, instalados em uma primeira instalação deste tipo no mundo árabe.

A instalação é composta por três laboratórios - uma câmara semi-anecóica EMC, um laboratório de energia pulsada e um laboratório de emissão de baixo nível de ruído.

As instalações do DERC permitem que tecnologias-chave sejam avaliadas contra compatibilidade eletromagnética e interferência, reproduzindo perigos eletromagnéticos naturais e artificiais nas câmaras de energia pulsada e semi-anecóicas. A conexão direta entre as duas câmaras permite uma diversidade de experimentos envolvendo 100's de pulsos de nanossegundos kV e sistemas de microondas multi-megawatt.

Os laboratórios foram projetados para hospedar diferentes categorias de equipamentos, como objetos conectados da Internet das Coisas, drones e carros autônomos, equipamentos de telecomunicações, dispositivos médicos, equipamentos automotivos, equipamentos de TI e é totalmente automatizado para testes e medições. Um laboratório único de emissão de baixo ruído foi construído com base nas especificações do DERC que permitem o estudo de ruídos muito baixos emitidos por sistemas eletrônicos.

A compatibilidade eletromagnética, ou EMC, permite que diferentes dispositivos eletrônicos que estão próximos uns dos outros funcionem sem interferência mútua, conhecida como Interferência Eletromagnética, ou EMI, abreviadamente. A operação de circuitos eletrônicos pode ser comprometida, pois eles podem radiar ou captar interferências indesejadas. Destacando o significado da EMC está o fato de que o número de dispositivos conectados sem fio está em constante aumento.

Faisal Al Bannai, Secretário-Geral do Conselho de Pesquisa de Tecnologia Avançada (ATRC), disse: "O lançamento destes laboratórios, que são os primeiros e os maiores do mundo árabe, está alinhado com a 'Operação 300bn' do Ministério da Indústria e Tecnologia Avançada (MoIAT), que visa fazer avançar o setor industrial, um mandato que apoiamos plenamente no ATRC como a organização que define a estratégia de pesquisa de Abu Dhabi e dos Emirados Árabes Unidos em toda a academia e indústria.

"A ATRC está investindo em laboratórios modernos que apoiarão a P&D no país e a indústria local, e incentivarão a inovação de acordo com os padrões internacionais. Ao abrir estes laboratórios únicos, antes inexistentes na região árabe, queremos apoiar os inovadores desde o protótipo até um sistema qualificado".

A DERC é pioneira na pesquisa em física de alta energia e nos efeitos de campos de alta intensidade em diferentes materiais, sistemas e ambientes. O Centro está empenhado em utilizar sua posição de vanguarda na ciência para buscar soluções práticas que beneficiem a sociedade em diversas áreas. Em EMC/EMI, os domínios de pesquisa do DERC incluem a modelagem do ambiente EM produzido por fontes feitas pelo homem; projeto, produção e avaliação de antenas; materiais inovadores para aplicações de blindagem EM; modelagem da resposta eletrotérmica de sistemas industriais; e proteção contra raios.

Dr. Chaouki Kasmi, Pesquisador Chefe da DERC, disse: "Na DERC apoiamos a pesquisa sobre uma ampla gama de tópicos em EMC e EMI em nome de governos e empresas para ajudar a criar e manter sistemas eletrônicos avançados. Estamos entusiasmados em anunciar o lançamento dos laboratórios EMC em Abu Dhabi. Eles irão ajudar na pré-qualificação da eletrônica contra Padrões de Compatibilidade e Interferência Eletromagnética, bem como no endurecimento de infraestruturas críticas para operar com segurança em ambientes agressivos".

Muitas normas de compatibilidade eletromagnética foram introduzidas ao longo dos anos, tornando a EMC uma parte fundamental do processo de design eletrônico, disse o Dr. Kasmi. Com as normas agora implementadas e aplicadas globalmente, os fabricantes têm que garantir que os novos produtos eletrônicos atendam às normas EMC relevantes.

Há uma crescente consciência de que os altos padrões de compatibilidade eletromagnética devem ser mantidos". Portanto, a compatibilidade eletromagnética deve ser alcançada desde o início, o que ressalta a importância do lançamento de nossos laboratórios", acrescentou o Dr. Kasmi.

Trad. por Nadia Allim.

http://www.wam.ae/en/details/1395302932040

WAM/Portuguese